Hoje é segunda: dia de resmungar que o final de semana passou voando e que a rotina burocrática vai recomeçar – com um pouco mais de louça para lavar por conta do isolamento social, é claro. Mas é possível tentar adoçar esses dias… Por isso, pensei em um post com sete sugestões de filmes que adaptam quadrinhos: um para cada dia da semana que começa.

Procurei fazer uma lista eclética: tem adaptação de mangá, super-herói, brasileiro etc. Os filmes também são distribuídos no tempo: as últimas cinco décadas estão representadas.

Fiz em ordem cronológica para facilitar. Vamos lá!

“Superman – O Filme” (de 1978)

Dirigido por Richard Donner; disponível em Apple iTunes, Google Play, Looke e NetMovies

Christopher Reeve é, para mim, o Superman perfeito. Engraçado, carismático, além de um bobalhão maravilhoso na identidade de Clark Kent.

Além dele, o filme ainda tem Gene Hackman como Lex Luthor, Marlon Brando como Jor-El, Mario Puzo escrevendo o roteiro, uma música-tema que até hoje é associada ao personagem e um Oscar de efeitos especiais. Filmaço!

“Turma da Mônica – A Princesa e o Robô” (1984)

Dirigido por Mauricio de Sousa; disponível no YouTube (canal da Turma da Mônica)

Filme fofo, fofo, fofo que marcou minha infância. Não sei quantas vezes meus pais tiveram de alugar esse lindo desenho animado na videolocadora (jovem que não entendeu essa última palavra: procure “videolocadora” no Google, vai te surpreender).

“Akira” (1988)

Dirigido por Katsuhiro Otomo; disponível em Apple iTunes, Google Play, Netflix e Telecine

Animê fabuloso, que levou para o cinema a ação de tirar o fôlego, o visual incrível e o roteiro inteligente dessa distopia. Otomo, que escreveu e desenhou o mangá, também roteirizou e dirigiu o filme.

“MIB – Homens de Preto” (1997)

Dirigido por Barry Sonnenfeld; disponível em Apple iTunes, Google Play, Microsoft e Telecine

Esse cara aí do seu lado é um alien disfarçado ou é só impressão? “MIB” é uma comédia que mistura fantasia, teorias da conspiração e Will Smith no auge.

“Asterix e Obelix contra César” (1999)

Dirigido por Claude Zini; disponível no Apple iTunes

Comédia que adapta a maravilhosa HQ francesa em clima bonachão e descontraído. Destaque para Gérard Depardieu como Obelix.

“V de Vingança” (2006)

Dirigido por James McTeigue; disponível em Apple iTunes, Google Play, HBO Go, Looke e Microsoft

É um pouco diferente da HQ? É. Mas que baita filme! Tudo ali me agradou, inclusive as mudanças. Mas eu gostaria de dar a mão a Hugo Weaving por uma atuação tão incrível sem mostrar o rosto.

“Logan” (2017)

Dirigido por James Mangold; disponível em Apple iTunes, Google Play, Looke e Microsoft

Tenso, intenso, trilha sonora incrível e o carismático Hugh Jackman sendo, de novo!, o Wolverine mais incrível que qualquer fã dos X-Men poderia sonhar.

(Eu havia digitado errado o ano do filme. Obrigado ao amigo Renato Targa pela correção!)

Please follow and like us:

Escrito por

Pedro Cirne

Meu nome é Pedro, nasci em 1977 em São Paulo e sou escritor e jornalista - trabalho na Argus Media e escrevo sobre quadrinhos na TV Cultura.
Lancei dois livros: o primeiro foi "Púrpura" (Editora do Sesi-SP, 2016), graphic novel que eu escrevi e que contou com ilustrações 18 artistas dos oito países lusófonos: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste. Este álbum contemplado pelo Bolsa Criar Lusofonia, concedido a cada dois anos pelo Centro Nacional de Cultura de Portugal.
Meu segundo livro foi o romance "Venha Me Ver Enquanto Estou Viva”, contemplado pelo Proac-SP em 2017 e lançado pela Editora do Sesi-SP em dezembro de 2018.
Como jornalista, trabalhei na "Folha de S.Paulo" de 1996 a 2000 e no UOL de 2000 a 2019.

Quer falar comigo, mas não pelos comentários do post? OK! Meu e-mail é pedrocirne@gmail.com

LinkedIn: https://br.linkedin.com/in/pedro-cirne-563a98169